Significado de Bandeira da Costa Rica

O que é Bandeira da Costa Rica

A bandeira da Costa Rica é formada por cinco listas horizontais nas cores branco, vermelho e azul, intercaladas, com a dimensão de 3:5 e mantendo a relação de 1:1:2:1:1. As cores representam a América Central. Os costarriquenhos possuem duas variações da bandeira, um com o brasão do lado esquerdo e outra sem ele, sendo esta a mais adotada pela população.

História da bandeira nacional da Costa Rica

A bandeira da Costa Rica surgiu pela primeira vez em setembro de 1821, com apenas duas listas azuis, representando os Oceanos Atlântico e Pacífico. Posteriormente, foi acrescentada a cor amarela, que simbolizava o ouro americano.

O modelo foi usado na luta pela independência do México em 1822 e novamente na independência da Costa Rica, em 1823. Nessa época, ela foi novamente alterada, passando a ser inteiramente branca, contendo uma estrela vermelha de seis pontas, representando a Confederação da América Central com suas 6 províncias.

Depois da independência da Costa Rica, a bandeira teve outra alteração, com a inclusão do brasão de armas. Seguiram-se outras pequenas alterações até que, em 1842, assumiu as cores atuais, inclusive com o brasão da Costa Rica.

Entre as bandeiras, a da Costa Rica certamente foi a que mais provocou controvérsias entre seu povo, tendo assumido a cor vermelha em virtude do Partido Liberal. O formato atual só foi definido em 1964, com a formatação do tamanho das listas e a inclusão do brasão de armas que, muito embora seja oficial, não é tão aplicado pelo uso comum da população.

Segundo os costarriquenhos a cor azul simboliza o céu e o idealismo do povo de Costa Rica, enquanto o branco representa a paz, a pureza e a sabedoria. O vermelho lembra o sangue derramado pelos que se sacrificaram pela pátria. A presença do brasão é para evocar as lutas e guerras que o país enfrentou em sua história.

Informações sobre a Costa Rica

A Costa Rica foi o local onde Cristóvão Colombo aportou nas Américas em sua quarta viagem, em 1502. Seu nome vem desde essa época, dado pelo próprio Colombo, que a achou uma terra rica e exuberante em beleza.

A população atual do país é de aproximadamente 5 milhões de pessoas, ou seja, um pouco mais do que algumas cidades brasileiras, tendo metade do país coberto por florestas, havendo proteção ambiental para pelo menos 25% de todo o seu território. O país é detentor do melhor índice de Desempenho Ambiental entre todos os países americanos.

Costa Rica também possui outra característica bastante positiva: o país é sinônimo de sustentabilidade, tendo adotado desde 20 anos atrás uma postura voltada para a proteção do meio ambiente e para a reutilização de recursos.

Além de possuir muitos vulcões, entre os quais alguns ativos, Costa Rica é um país com muitas belezas naturais, com cachoeiras monumentais, florestas e uma grande variedade de espécies animais e vegetais, sendo o país com maior variedade de orquídeas no mundo todo, com mais de mil espécies, atraindo estudiosos e pesquisadores internacionais.

Costa Rica é um dos locais turísticos mais procurados do mundo e sua fama de país acolhedor ficou ainda maior depois da Copa do Mundo de 2014, no Brasil, quando os jogadores demonstraram espírito esportivo dos mais acentuados, com comportamento muito amigável, atraindo a atenção de torcedores ao redor do mundo, que ficaram curiosos com relação ao país.

O país caribenho é bastante semelhante ao Brasil, em sua cultura, havendo os mesmos gostos na culinária, já que o prato favorito do costarriquenho é feijão com arroz, acompanhado de saladas e carnes, além de outros alimentos locais.

Uma curiosidade da Costa Rica: o país não tem exército, que foi abolido em dezembro de 1948. O país ficou unido aos Estados Unidos por 17 anos e o México por 3.

A capital da Costa Rica é a cidade de San José. O país tem como moeda oficial o Cólon costarriquenho e o idioma da Costa Rica é o castelhano.

Brasão de armas da Costa Rica

A província da Costa Rica foi admitida na república dos Estados Unidos da América Central em 1823, quando havia um brasão comum a todos os países integrantes da federação. O brasão de armas nacional da Costa Rica só foi adotado em 1840, quando houve a separação do país.

Da mesma maneira que a bandeira, o brasão foi alterado em 27 de novembro de 1906 e tendo suas cores especificadas em 1988. Os elementos que compõem o brasão atualmente são dois barcos mercantes, representando a história marítima do país, e alguns elementos da geografia do território caribenho, com três vulcões, um vale, nuvens e um sol poente do fim do dia.

O significado de Bandeira da Costa Rica está na categoria Significados