Significado de Lenda

O que é Lenda

Lenda é uma palavra proveniente do latim “legenda”, que tinha o significado de “a serem lidos”, provindo do verbo “legere” (ler). O termo é derivado da leitura feita nos mosteiros sobre as vidas dos santos e mártires durante as refeições e acabou com o significado de história fabulosa, de mito.

O que é lenda?

Lenda, portanto, é uma narrativa transmitida oralmente pelas pessoas, sempre falando sobre fatos sobrenaturais, misteriosos, frutos da imaginação que, misturados a fatos reais, tornam-se histórias fantasiosas que, com o tempo, vão se modificando e assumindo novas características.

A lenda sempre existiu no imaginário popular, desde os tempos em que o homem não conhecia a escrita e ficava contando histórias à beira das fogueiras. Com o passar do tempo e a criação da linguagem escrita, as lendas foram sendo reproduzidas em livros, registradas com o formato de contos, de histórias escritas.

Nos tempos medievais, as lendas eram apenas a narrativa das histórias de santos, porém seu conceito teve uma transformação, passando também a se referir à cultura de uma população, suas tradições e seus mitos misteriosos.

As lendas possuem duas características: uma delas tenta oferecer explicações para acontecimentos e situações que não são dominadas pelos homens, que não têm o conhecimento científico para explica-las, como nos casos de supostos fenômenos sobrenaturais. Outra característica é quase sempre ter um fundo moral, uma lição a orientar os procedimentos e comportamentos das pessoas.

Uma lenda pode ter seu fundo de verdade, mas, com o tempo, conseguem transformar, criando a degeneração de um mito, já que sempre foram passadas oralmente de geração em geração, dando razão ao ditado popular de que “quem conta um conto aumenta um ponto”.

As lendas têm como base quatro teorias: a Teoria Bíblica, que tem origem nas escrituras que, por sua vez, foram os escritos de histórias passadas oralmente pelas gerações; a Teoria Histórica, que fornece dados para as lendas através da mitologia; a Teoria Alegórica, em que os mitos, embora simbólicos, são usados para repassar conceitos morais ou filosóficos; e a Teoria Física, em que se usam os elementos da natureza como base para os fatos narrados, usando os conhecidos elementos: terra, fogo, água e ar.

O que são lendas urbanas

Acompanhando o conceito de lendas, temos nos tempos modernos as lendas urbanas, cuja principal característica é a contemporaneidade, estando relacionadas com acontecimentos atuais.

De uma forma geral, as lendas urbanas possuem um caráter sensacionalista ou conspiratório, buscando respostas, como nas antigas lendas, a informações ou ocorrências que não tenham explicação científica.

Muitas lendas urbanas nascem e morrem em pouco tempo, como podemos destacar com a lenda do Chupa-Cabra, o Homem do Saco, o Boneco do Fofão ou a Loira do Banheiro, a Loira da Estrada, e muitas outras.

Lendas folclóricas

No Brasil, as lendas são muitas, influenciadas pela miscigenação do povo brasileiro. Nossas lendas são provenientes dos indígenas, dos africanos e dos europeus, criando um folclore próprio, típico do Brasil.

Cada região brasileira tem suas próprias lendas, sendo que algumas delas são conhecidas nacionalmente, como é o caso do Saci Pererê, a Iara, a Mula sem Cabeça, enquanto outras são regionais, como a Caipora, o Curupira ou o Menino do Pastoreio.

O significado de Lenda está na categoria Significados