Significado de Misoginia

O que é Misoginia

Misoginia é um substantivo feminino. O termo vem da junção do prefixo mis-, que significa “mau, errado”, que deriva-se do Proto-Germânico missa, que é “fora do caminho, afastado” e do Grego misein, que significa “odiar”.

O significado de Misoginia caracteriza um sentimento de ódio contra as mulheres, também entendido como uma repulsa, desprezo ou aversão. A misoginia está relacionada com tudo o que tem a ver com o mundo feminino e com a própria violência que é praticada contra a mulher.

A misoginia também pode ser definida como a repulsão em excesso do contato sexual com mulheres.

Atualmente, a misoginia é tida como um distúrbio de comportamento – da mesma forma que a homofobia e o racismo, pois se dá no âmbito individual e não coletivo. Para a área de Psicologia, a misoginia é um forte objeto de estudo.

De modo infeliz, a misoginia é uma das grandes responsáveis pela maioria dos assassinatos de mulheres que acontecem hoje em dia: é o chamado feminicídio.

As manifestações de misoginia podem acontecer tanto por atos físicos como psicológicos, bem como de forma direta ou indireta. São exemplos:

  • Exclusão social,
  • Hostilidade,
  • Discriminação sexual,
  • Prática de atos de violência física e emocional,
  • Depreciar a figura feminina.

Misógino é o nome dado a todo indivíduo que pratica a misoginia. A misoginia é um termo sinônimo de ginecofobia, ginofobia, antifeminismo e androcentrismo.

Por outro lado, a misoginia tem como antônimo o termo filoginia, que classifica-se como o apreço, admiração e amor pelo sexo feminino.

Para curiosidade, em Nottinghamshire, na Inglaterra, a misoginia é crime, assim como o próprio assédio contra mulheres. Para o projeto de lei, a misoginia será tratada como um crime de ódio, que, desde que foi criado em 2014 alerta sobre como as moradoras locais passam por situações de assédio, abuso e agressões físicas que afetam seus direitos.

Causas

Infelizmente, a cultura do machismo, isto é, a forte presença masculina como figura de superioridade, existe há séculos. Pode-se observar muitos e diferentes povos da Antiguidade com o sexo masculino como o gênero principal, mais forte e mais “desenvolvido” – o que ajudou a alimentar, desde cedo, portanto, a ideia do sexismo em desvalorizar o sexo feminino e crescer o preconceito sobre tal.

Por isso, até hoje as mulheres ainda sofrem e enfrentam muitos obstáculos e barreiras em uma sociedade historicamente e predominantemente machista, embora o sexo feminino tenha alcançado algumas conquistas até então impossíveis.

Misoginia e Misandria

Enquanto que a misoginia se configura como a repulsa, ódio e desprezo contra as mulheres, o termo misandria se refere ao sentimento de raiva ou aversão contra o sexo masculino.

Acredita-se que a misandria seja uma maneira que as mulheres descobriram de se “defender” contra todos os ataques que sofreram pelos misóginos há tanto tempo e que sofrem até hoje. Por isso, a misandria tem carga histórica assim como a misoginia.

Misoginia e Misantropia

Outro termo que se relaciona, de alguma forma, com a misoginia é a misantropia.

A misantropia é a característica de repulsa ou aversão ao ser humano, ou seja, é o ódio à humanidade como um todo, não tendo distinção entre homens ou mulheres. O misantropo – indivíduo que pratica a misantropia – não gosta da humanidade de uma maneira geral, entendendo-se assim como um conjunto de preconceitos e discriminações associados, inclusive a misoginia, misandria, xenofobia e a homofobia, por exemplo.

O significado de Misoginia está na categoria Significados