Significado de Pessach

O que é Pessach

Pessach é uma tradição festiva judaica cujos significados remontam ao hebraico: passar por cima, passar por alto.

O Pessach é a festa da páscoa judaica, e é também conhecida como a festa da libertação, celebrando o fim da escravidão dos hebreus egípcios no ano 1280 a.C.

O que é Pessach:

Dos vários significados que a palavra pode tomar, podemos dizer que usualmente Pessach faz referência à festa da páscoa dos judeus, em que é celebrada a fuga do seu povo do Egito, que vivia escravo na época.

O povo judeu festeja o pessach com início no 15º dia do mês de abril (Nisan), e é uma das celebrações mais longas de Israel. Durante o Pessach Chabad os restaurantes fecham, e as crianças não têm aulas na escola.

É nessa altura que a maior parte das pessoas tira férias, até porque nessa altura não é permitido qualquer trabalho produtivo.

Durante a festa, os judeus não consomem alimentos que tenham fermento, incluindo o pão. Eles usam o “pão ázimo” (Matsá), o qual faz parte dos rituais desta festividade.

Os significados das celebrações têm origem na história do êxodo do Egito, onde a fuga dos judeus escravos foi tão apressada que nem esperaram a massa do pão que estavam assando crescer.

Daí eles não consumirem nada com fermento durante essa festa, em total abstinência desse produto, virando um verdadeiro ritual entre eles.

Eles fazem também uma refeição especial, designada de “Sêder de Pessach”. Esse é um jantar onde toda a família se reúne à mesa, tendo presente vários vinhos, o pão ázimo, e ervas amargas.

Cantam-se salmos e canções, cujos significados anunciam o início da páscoa, a qual é comemorada pelos judeus durante sete dias, onde o primeiro e último dia são dias de descanso, que é proibido qualquer tipo de trabalho produtivo.

Origem do Pessach

A origem do Pessach e seus significados podem ser encontrados no Torá, ou livros do Velho Testamento, pelos quais se guiam o povo judeu, num total de cinco livros. São eles: Gênesis, Êxodo, Levítico, Números e Deuteronômio.

O Torá foi atribuído a Moisés, figura sagrada para os judeus, assim como a algumas tribos nômades de Israel, na altura escravos no Egito, então governado pelo faraó Ramsés II (século XIII a.C.).

Moisés foi um israelita salvo das águas do Rio Nilo, no Egito, e lá foi criado como um nobre pela filha do então faraó.

Entretanto, ele revolta-se contra o povo que o acolheu e torna-se líder dos escravos judeus. Foi ele quem liderou a fuga dos escravos do Egito até ao deserto Sinai, onde depois viveram 40 anos. O destino final era Canaã, designada terra prometida.

Para os judeus, o êxodo do Egito é um momento fulcral, sendo mesmo considerado o evento central da sua história, com significados muito importantes para a festa do pessach.

 

O significado de Pessach está na categoria Significados