Significado de Destino

O que é Destino

Destino é uma palavra proveniente do latim, formada pelo prefixo “de” com o substantivo “stanare”, derivado do verbo “stare”, ou estar. Destinare era, portanto, “fixar, afirmar, estabelecer”, passando a ter o sentido de algo que é estabelecido para alguém.

O que é destino?

O substantivo masculino destino indica um fim ou resultado de uma determinada ação, sendo atualmente sinônimo para fado, sina, futuro, sorte, fatalidade ou fortuna.

O termo destino, para a maior parte das pessoas, é o descritivo de algo que vai acontecer no futuro, independente do que a pessoa possa fazer para evitar. Outras pessoas, contudo, não acreditam na existência do destino, dependendo muito da corrente filosófica ou da religião, que possuem concepções diferentes sobre a vida do ser humano.

Existem pessoas que acreditam ser o destino uma força misteriosa, determinando ao acontecimentos da vida de todos, incluindo vidas passadas, encarnações vividas anteriormente. Segundo a crença cristã, o destino não existe, prevalecendo a vontade divina, que controla e determina os acontecimentos.

Para o espiritismo, assim como para outras religiões ligadas ao cristianismo, o ser humano é dotado de livre arbítrio, ou seja, tudo o que pode acontecer no futuro será resultado dos atos praticados no presente. Assim, a própria pessoa é quem estaria controlando o seu destino.

O termo destino também pode indicar uma direção ou rumo, quando se relaciona a palavra com a área de viagens e turismo. Dessa forma, ao escolher uma viagem, a pessoa estaria traçando o destino daquela viagem.

Sob esse ponto de vista, todos os indivíduos são senhores do seu próprio destino e, se souber como agir no presente, poderá controlar todos os acontecimentos futuros de sua vida.

Uma expressão comumente usada é “sem destino”, aplicada para descrever uma pessoa que não tenha lugar certo, que vive ao acaso. Uma pessoa que nunca teve um lar, que sempre foi desligada dos bens materiais, pode ser considerada uma pessoa sem destino, referindo-se mais à sua forma de ser, sem previsão do que pode ou não acontecer em sua vida.

Como a palavra destino está relacionada com a vida humana e com o futuro, o seu sentido também é aplicado e associado a práticas divinatórias e esotéricas, como leitura de cartas no tarot, mapas astrais na astrologia e cálculos numéricos baseados no nome ou data de nascimento na numerologia, por exemplo.

O destino é algo que sempre preocupou o ser humano, desde tempos remotos. De acordo com a mitologia grega, o destino era uma teia constantemente tecida por três irmãs, as Moiras, divindades que influenciavam a vida dos homens e dos deuses.

Na antiga Mesopotâmia, o destino dos homens era determinado pelas estrelas. O horóscopo e os signos surgiram nessa civilização, que dividiu o céu em doze partes, cada uma para cada signo.

No Império Romano, quem determinava o que poderia ser favorável ou desfavorável era a fortuna, que indicava o fatum, ou seja, a decisão que seria irrefutável para o ser humano.

O destino também foi tema de inúmeros temas discutidos por filósofos como Max Scheller, Heidegger e Spengler, entre outros, determinando o fatalismo, uma concepção que considera que os acontecimentos são produzidos de forma irrevogável, havendo uma ordem cósmica, o Logos, que preside toda a vida dos seres humanos.

Destino manifesto

Destino manifesto foi a ideologia que determinou o crescimento e a expansão dos Estados Unidos durante o século XIX. Segundo o destino manifesto, os Estados Unidos deveriam aumentar o seu território, conquistando todas as terras e aumentando o seu poder.

O destino manifesto foi usado para dar legitimidade à supremacia da nação norte-americana, resultando no domínio político e financeiro que o país teve sobre o mundo desde muitos anos, uma crença que prevalece até os dias de hoje.

O significado de Destino está na categoria Significados