Significado de Subjetivo

O que é Subjetivo

Subjetivo é tudo aquilo que é próprio ou relativo ao sujeito. Refere-se à visão e a compreensão pessoal sobre algo ou alguém.

É aquilo que depende do ponto de vista da própria pessoa. É algo que está fundamentado na sua interpretação individual.

Quando esse termo é usado em uma linguagem depreciativa, ele pode fazer referência a comportamentos, vontades e desejos individuais.

Conheça alguns sinônimos que podem ser utilizados dependendo do sentido que essa palavra pode desempenhar dentro de um determinado contexto:

  • Quando a palavra é usada como algo abstrato, podemos substituí-la por: inatingível, incorpóreo, impalpável, abstrato, etéreo, imaterial.
  • Usada com sentido tendencioso: parcial, emocional, tendencioso, passional e apaixonado.
  • Usado como um único ser: egocêntrico, íntimo, privado, pessoal, particular, individual, próprio.
  • Que pertence a um sujeito: relativo, peculiar, pertinente, inerente, específico.

O termo subjetivo possui sentidos diferentes para alguns antônimos. São eles:

  • Prático, pragmático, objetivo, corpóreo, realista, real, material, palpável.
  • Impessoal, coletivo, geral.
  • Imparcial, neutro, neutral, justo, isento, desapaixonado.
  • Independente, desligado, separado.

Subjetivo e Objetivo

Há uma grande diferença quanto ao ponto de vista objetivo e subjetivo. No caso da subjetividade, a pessoa pode expressar uma livre opinião, ou seja, ela pode ter o seu próprio entendimento sobre as coisas. Pode expor seu ponto de vista e se expressar de acordo com suas convicções, crenças e conhecimentos.

Exemplo:

“Eu acredito em alienígenas.”

Já no caso da objetividade, a pessoa é bem mais prática, isto é, não faz rodeios para expressar um fato ou uma opinião, ela vai direto ao assunto. A questão ou o fato não dá margens para devaneios e muito menos para que haja qualquer tipo de dúvidas. Quando todos conseguem ter a mesma resposta e opinião sobre o mesmo assunto, dizemos que houve objetividade.

Exemplo: “As águas dos oceanos são salgadas.”

Texto Subjetivo

Quando um determinado autor começa a compor uma obra, ele pode querer que seu texto expresse seus pensamentos e sentimentos, ou seja, que sua obra seja o mais subjetiva possível. Para tornar isso realidade, ele terá uma visão pessoal sobre o assunto que irá abordar.

Nesse caso, o autor fará uso das figuras de linguagens e figuras de pensamento com o intuito de enriquecer e ampliar o sentido daquilo que ele deseja expressar. Ele poderá fazer uso de metáforas, sinestesia, aliteração, eufemismo, paradoxo e vários outros tipos de artifícios para tornar o seu texto o mais subjetivo possível.

Um texto subjetivo pode ser escrito em prosa, verso, crônica e muitos outros estilos.

Subjetivo na Filosofia

O filósofo alemão Immanuel Kant disse que a subjetividade é usada de maneira a relevar os sentimentos e as convicções de uma pessoa. Que é algo pessoal, próprio e que só pertence a ela. E que deveria haver um maior entendimento entre a objetividade e a subjetividade.

Em sua concepção, a objetividade queria dizer que tudo tem uma razão, um saber científico que pode ser justificado, independente de quem esteja questionando. É algo que pode ser provado e comprovado, de forma que todos tenham a mesma compreensão.

Direito Subjetivo

O direito subjetivo é o tipo de direito que dá a uma pessoa o conhecimento para realizar uma determinada conduta em defesa de seus direitos. Como, por exemplo, quando uma pessoa é agredida verbalmente ou fisicamente, cabe a ela ou não, entrar com um processo contra quem a agrediu.

Uma pessoa exerce o seu direito subjetivo quando adota o seu papel de cidadão, exigindo os seus direitos. Sendo que esse direito subjetivo só irá ter efeito se for previsto pelo direito objetivo, que nesse caso, provém da lei que assegura o processo legal.

O significado de Subjetivo está na categoria Significados