Significado de Humanização

O que é Humanização

Humanização é um termo que faz referência a alguma prática que visa tornar algo ou alguém mais humano, a consequência de humanizar. Humanização pode ser usado nesse sentido sob vários aspectos, por exemplo, podendo ser usada para fazer referência a uma limpeza necessária em um local, ou a alguma ação que procure tornar alguém mais afável ou benévolo.

O termo humanização pode também ser usado para fazer referência à tendência ou atitude de atribuir características humanas a objetos ou animais. Podemos dizer, nesse sentido, que os personagens dos desenhos da Disney passam por um grande processo de humanização. No mesmo sentido, mas numa outra acepção, poderíamos dizer que quando alguém diz “meu cachorro sabe tudo o que está acontecendo”, está manifestando em seu discurso uma notável tendência de humanização para com o seu animal.

Algumas vezes encontramos a palavra humanização como sinônimo de tornar civilizado. Contudo, aqui o termo ganha contornos controversos, pois o conceito de civilização tem como base a sociedade europeia quando foi cunhado e implicava ainda que tudo o que não era civilizado era bárbaro. Com isso, quando usamos a palavra humanização com sentido de civilização, corremos o risco de emprestar a nossa fala uma carga pejorativa, pois sob determinada ótica poderíamos chegar a concluir que desse conceito deduz-se que o que não é civilizado não é humano.

Humanização na Saúde

O conceito de humanização na saúde diz respeito a práticas que visam proporcionar melhores condições de trabalho para os profissionais da saúde e para os seus pacientes.

A ideia da humanização da saúde é apostar num trabalho conjunto de conscientização, visando criar uma cultura em todos os órgãos ligados à saúde no país, onde a preocupação com o ser humano respeitando suas diferenças e especificidades esteja em primeiro lugar. Num movimento em prol de um aprimoramento ético das relações profissionais e de uma maior participação política na busca do atendimento das reivindicações da área.

Os programas de humanização de saúde em geral são promovidos pelo estado, e apesar de serem de inegável importância, ainda têm muito o que fazer para melhorar as condições nos hospitais públicos.

Humanização e SUS

A ideia do programa nacional de humanização do Ministério da Saúde é o de promover a humanização do Sistema Único de Saúde, conhecido por todos como o SUS.

No programa, parte-se de um conceito de humanização centrado em três pilares, a ética, a estética e a política. Parte da ética no sentido de que tem como foco uma ação conjunta entre todos os profissionais da área da saúde de todos os escalões e todos os que necessitam dos serviços do sistema.

A proposta do Programa Nacional de Humanização é também estética no sentido de encarar cada indivíduo como único, dotado de subjetividades próprias, que devem ser compreendidas e respeitadas. E é também uma proposta política, pois está inserida no contexto de uma organização gerida pelo estado e que em tal condição não pode deixar de se imiscuir nas questões políticas presentes em qualquer instituição oficial.

A Programa Nacional de Humanização surgiu em 2003 como uma criação do Ministério da Saúde que tinha como plano de ação uma atuação transversal conectando-se a todas as esferas saúde e a todos os outros programas desenvolvidos pelo estado na área. A política tem desde o início três princípios norteadores: uma integração entre a gestão dos processos de saúde e a atenção a eles, autonomia aliada a transversalidade e o protagonismos dos envolvidos.

E apesar do programa ter sido criado em 2003, no primeiro ano do Governo Lula,  ele ainda continua atuante e sem apresentar alterações significativas em sua proposta mesmo com todas as mudanças políticas ocorridas no país nos últimos tempos.

O significado de Humanização está na categoria Significados